Mastigação: Reflexões e interfaces com a saúde

O movimento mastigatório constitui uma relação saudável entre o indivíduo e a sua agressão, transformando o ato de mastigar em um mecanismo de elaboração interna. Seria, portanto, o “exercício da mastigação”, uma contribuição para o alívio do estresse e da ansiedade da população?

O objetivo desse texto é refletir, introduzir o debate e “oxigenar” controvérsias sobre aspectos relevantes da mastigação, essa que é uma das mais importantes funções do sistema estomatognático e apresenta estreitas relações com temas de interesse em saúde como saciedade, obesidade, desnutrição e ansiedade.

Quer saber mais:

acesse o artigo completo publicado na revista Ensaios & Diálogos em Saúde Coletiva – ABRASCO, clicando aqui.

acesse a revista na íntegra, clicando aqui.

 

Você pode gostar também ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Get Widget